"So I think It’s Time For Us to Have a Toast" – Kanye West (Runaway)

Por Romulo Rodhrigues

Opinião

Dourado é o grande campeão da décima edição do reality show! Torcia por ele. Mas vamos analisar um pouco essa edição do BBB que chegou ao seu final.

Os 3 finalistas da 10ª edição do Big Brother Brasil

É fato que a audiência da décima edição do BBB foi inferior à das últimas edições. Estaria o Big Brother despertando cada vez menos o interesse do público? O que muitos davam como certo – o desgaste da fórmula e o inevitável fim do formato – parece desafiar algumas certezas absolutas.

O BBB 10 tornou-se o maior fenômeno midiático dos últimos tempos. Apesar da audiência girar em torno de 35 pontos e alcançar picos de 40, esta final atingiu apenas 41 pontos (algumas edições anteriores chegaram a marcar mais de 50 pontos), a repercussão dessa edição não tem precedentes. Uma tendência foi comprovada e consolidada: a internet como meio de comunicação complementar e alternativo à TV. O Big Brother ainda foi responsável pelo grande crescimento de usuários do Twitter no Brasil, sendo o programa o tópico mais comentado no site por aqui há 3 meses. Muitos dizem que este BBB é a mostra do que realmente pode ser a interatividade na TV. Recordes de votos para eliminar um participante foram batidos a cada semana.

Isso sem falar na repercussão popular causada pelos conflitos gerados no reality show. O Big Brother mais polêmico de todos trouxe personagens incomuns. Dourado foi a personificação do anti-herói e talvez o grande responsável pelo sucesso dessa 10ª edição. Por incrível que possa parecer não foi nenhum homossexual ou o negro, o nordestino, nenhum desses foi vítima de preconceito. Foi Marcelo Dourado, a figura do machão rude, cheio de defeitos e qualidades. Mobilizou torcidas em torno de si como num campeonato de futebol.

O momento em que Dourado é declarado campeão. Essa final bateu o recorde mundial de votação: foram 154 milhões de votos.

Uma das menores audiências comparado às outras 9 edições. O maior sucesso de todas as edições. O roteiro do reality show só funcionará se conseguir criar conflitos interessantes e manipular as emoções do telespectador. O reality show bem sucedido é aquele que incorpora elementos de dramaturgia e ficção ao seu espetáculo do mundo real. Talvez o reality show provoque nas pessoas sensações e emoções que nelas eram forjadas, há algum tempo atrás, pelas novelas. O público sabia que as novelas não eram reais e os sentimentos experimentados foram cada vez mais bem assimilados, enquanto que nos reality shows, esse público tem a sensação de realidade, de veracidade. Se as novelas buscam a verossimilhança, os reality shows (especialmente o Big Brother) buscam a veracidade.

BBB e o espetáculo da mídia

O Big Brother Brasil pode ser classificado de várias maneiras: show de mídia, fenômeno de comunicação, espetáculo do entretenimento, válvula de escape, lixo cultural… Mas, – aqui vai uma crítica pessoal a um outro fenômeno midiático – apesar de ser uma fonte seca de instrução e crescimento intelectual para o telespectador, não vejo um estímulo a um comportamento doentio em sua audiência. Exemplo de comportamento doentio: centenas de pessoas acampadas na porta de um fórum aguardando a sentença de um julgamento, clamando por justiça; centenas de pessoas comemorando uma sentença como se fosse uma final de Copa do Mundo. A cobertura espetacular do julgamento do casal Nardoni foi sim um estímulo a um comportamento doentio. Manipulação emocional, maniqueísmo, sensacionalismo… Não, não estou descrevendo somente o Big Brother, mas sim a cobertura da mídia do julgamento do casal Nardoni. Não estou dizendo que são inocentes. São culpados. A justiça os sentenciou. Mas o que aquelas pessoas tinham a ver com esse caso? Nada. E o que as pessoas têm a ver com o Mensalão do DEM (ou do PT)? Tudo. Essas pessoas clamaram por justiça da mesma forma? Não, apenas militantes e estudantes (poucos) o fizeram. A mídia ofertou  a cobertura (sensacional) do julgamento mais aguardado dos últimos anos ao telespectador como um “anestésico para a banalidade de suas existências.”

A 11ª edição do Big Brother já foi confirmada. Esperamos que as pessoas adquiram mais instrumentos interpretativos e ferramentas para enxergar a mídia com um olhar mais crítico. É importante que o público compreenda o BBB como uma ferramenta interpretativa, não do comportamento humano, mas do universo midiático. Se esse reality show é nocivo e prejudicial, pode ser que realmente seja (para alguns), mas penso que o telespectador é um agente consciente e participativo na dinâmica do BBB. E não digo isso pela possibilidade de decidir quem ganha e quem não ganha, através das votações (interatividade ilusória e rasa). Digo isso em virtude do comportamento consciente do telespectador no esquema do BBB.

Pronto. Legal que o Dourado foi o vencedor. Aliás, apesar das emoções e paixões despertadas… Daqui a alguns meses tudo vai ficar no passado, o show de TV será esquecido (e com certeza 90% dos participantes) e continuaremos nossas vidas. No final é apenas um show de TV, que merece toda a atenção de especialistas de mídia e comunicação (não se pode ignorar tamanho fenômeno midiático).

Comentários em: "Big Brother Brasil 10 – um fenômeno de mídia" (3)

  1. Victória disse:

    Não sei se o Dourado é ou não um fenômeno. Mas vou votar para que ganhe o prêmio.

  2. Luciano Simplicio disse:

    Essa sua opinião foi muito boa Romulo, eu concordo com quase tudo.

  3. natany disse:

    big brothe é o unico progama q as pessoas n querem ve
    mas acaba asistindo por falta de progama melhores
    pelo orariu

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: