"So I think It’s Time For Us to Have a Toast" – Kanye West (Runaway)

Arquivo para outubro, 2010

Os 10 Clipes mais importantes dos 20 anos da MTV Brasil

A MTV Brasil completou 20 anos no último mês e decidimos fazer uma lista com os clipes que, de certa forma, fizeram história dentro do canal. Entre nacionais e internacionais, confira abaixo os 10 videoclipes mais significativos da história da MTV Brasil:

Obviamente é o grande marco do canal. Primeiro clipe exibido, o primeiro primeiro lugar da história do Disk MTV. O clipe foi gravado em São Paulo, e tem uma atmosfera bastante moderna e trazia a linguagem autêntica do videoclipe, colagem de imagens, montagem fragmentada e acelerada.

Smells Like Teen Spirit marcou, junto com diversos outros clipes das bandas grunge dos anos 90, uma geração de roqueiros em todo o mundo e inclusive no Brasil. A MTV e a Rádio Cidade do Rio de Janeiro, e suas vertentes pelo Brasil, ajudaram a criar uma geração de jovens fãs de Nirvana, Pearl Jam, Soundgarden e Stone Temple Pilots, além de outras. Smells Like Teen Spirit é sem dúvida a música mais emblemática. Os clipes da MTV certamente ajudaram a criar essa geração grunge em terras tropicais.

Deus e o Diabo foi o primeiro clipe exibido pelo Disk MTV. Apareceu em 10º lugar e inaugurou aquele que seria o programa mais tradicional e duradouro do canal musical. O clipe seguia a linha de vários outros da época, com justaposição de imagens, ritmo acelerado outros elementos comuns da linguagem videoclíptica da época. O clipe foi gravado em Nova York.

Os maiores vencedores do VMB (ao lado da Pitty), lançaram o clipe de Ela Disse Adeus em 1998 se tornaram os grandes vencedores da premiação daquele ano. Com participação de Fernanda Torres, o clipe seguia uma linha inspirada em filmes do cinema mudo, comédias antigas e alguns elementos de Film Noir.

O Radiohead é uma das bandas mais amadas pela emissora, que talvez tenha sido uma das grandes responsáveis pela divulgação da banda no Brasil. Desde Creep, passando por Paranoid Android até 15 Step, uma das grandes bandas das últimas 2 décadas também fez história nas telas da MTV Brasil. E o clipe de Karma Police foi um dos mais marcantes.

Os Racionais MC’s fizeram história na MTV, no VMB e no rap nacional. Com o clipe Diário de um Detento, o grupo saiu das periferias e alcançou os jovens de outras classes, com a ajuda da MTV. Também fizeram parte de um dos momentos históricos da emissora, o VMB de 1998. O grupo que até hoje mantém uma postura de aversão à mídia, fez um dos maiores shows da premiação, levou o prêmio mais importante da noite e ainda provocou a plateia e a própria MTV.

Mandrake e os Cubanos é inegavelmente um dos clipes mais legais em toda a trajetória da MTV. O Skank tem vários clipes que podem ser listados na categoria melhores por alguma razão. Resposta, Uma Partida de Futebol, Garota Nacional… Todos fizeram história, mas Mandrake, de longe, é o mais incrível de todos.

Uma das grandes bandas do fim da década de 90 e início dos anos 2000, veio com o clipe Minha Alma (a paz que eu não quero), que se tornou o clipe mais premiado em uma edição do VMB, com 6 prêmios.

Por incrível que pareça, Christina Aguilera acabou entrando pra história da MTV Brasil, e não foi por aquele episódio da visita ao Disk MTV em 2000, quando, de acordo com a emissora, causou problemas com a VJ Sabrina Parlatore e nos bastidores da canal. Foi em 2006, no dia 15 de dezembro, quando foi ao ar o último Disk MTV, programa mais tradicional da MTV e que chegava ao fim quando a emissora pretendia investir em outros segmentos e levar música de forma diferente à sua audiência. O clipe que ocupava o primeiro lugar no último Disk MTV foi Hurt, da Christina Aguilera, artista que podemos representar como uma outra geração formada pela MTV, a geração teen pop, desde as boy (e girl) bands dos anos 90, passando pelas divas adolescentes, como Britney e Aguilera.

Pitty é uma das artistas mais representativas das gerações recentes, dos anos 00 da emissora. Com uma grande legião de fãs, a baiana logo chamou a atenção com Máscara, Admirável Chip Novo e Equalize, sendo este o clipe e a música que fizeram a roqueira acontecer. Ao lado dos Paralamas, Pitty é a maior vencedora da história do VMB.

Anúncios

Trailetrizante: Kristen Stewart em Welcome To The Rileys

Welcome To The Rileys é um drama de questões falimiares, em que o personagem de James Gandolfini (da cultuada série Família Soprano) se vê isolado e afastado de sua família. James e Melissa Leo são um casal em crise, ele decide sair de casa e vai viver em outra cidade. Kristen Stewart interpreta Mallory, uma adolescente problemática de 16 anos, moradora de rua que ganha a vida se prostituindo e fazendo shows como stripper. Surge então uma grande amizade entre os dois, o que de certa forma ajuda na reaproximação do casal e faz com que a jovem menina veja o, até então, estranho homem como um pai e um refúgio emocional.

O diretor do filme é Jake Scott, filho de Ridley Scott. Jake já é conhecido por seu trabalho em videoclipes, como os aclamados clipes de Fake Plastic Trees do Radiohead e Everybody Hurts do R.E.M. New do No Doubt e When You’re Gone do Cramberries também são de autoria do diretor. O filme já estreou em algumas cidades americanas e estreia na França em novembro. Não há previsão de estreia por aqui.

Grandes divas do R&B na trilha sonora de For Colored Girls!

Janelle Monáe, Sharon Jones, Leona Lewis e Estelle são aluns dos nomes que estão na trilha sonora

A trilha sonora do filme For Colored Girls está cheia de grandes artistas. Todas divas da música negra de ontem e de hoje. De Sharon Jones a Estelle e de Laura Izibor a Janelle Monáe, a trilha do filme que estreia no início de novembro estará disponível a partir de 2 de novembro, três dias antes do filme chegar aos cinemas.

Veja o tracklist oficial:

1 Main Title – por Loretta Devine, Kimberly Elise, Whoopi Goldberg, Janet Jackson, Thandie Newton, Phylicia Rashad, Anika Noni Rose, Tessa Thompson, Kerry Washington com Joshua Bell, Aaron Zigman & The Hollywood Studio.

2 Longer & Stronger – por Sharon Jones & The Dap-Kings

3 All Day Long (Blue Skies) – por Estelle

4 What More Can They Do – por Laura Izibor

5 Sun – por Lalah Hathaway

6 Ansomnia – por Zaki Ibrahim

7 Settle – por Gladys Knight

8 La Donna In Viola – por Karen Slack, Andrea Jones-Sojola & The Hollywood Studio Symphony Orchestra

9 Sechita (A Senhora em Amarelo) – por Anika Noni Rose & Carondelet Percussion Ensemble

10 Stand Up – por Macy Gray

11 Without A Fight – por Janelle Monáe

12 Four Women – por Nina Simone, Simone, Laura Izibor & Ledisi

13 I Know Who I Am – por Leona Lewis, ouça abaixo!

Para ouvir mais, acesse o site da trilha do filme: forcoloredgirlssoundtrack.com

Saiba mais sobre o filme estrelado por Whoopi Goldberg e Janet Jackson! Visite o nosso Tumblr!

O Espetáculo de Kanye West em Runaway!

O rapper acaba de lançar um filme de 35 minutos para a música Runaway


Kanye West mais uma vez consegue surpreender e deixar todos de boca aberta. Ele chega agora com um filme de 35 minutos, estrelado pelo próprio e pela modelo Selita Ebanks. No filme, Ebanks interpreta uma fênix que se choca contra a Terra e é salva por Kanye, que faz o papel dele mesmo, numa versão um pouco mais fantasiosa. Os dois começam um relacionamento que acaba terminando em tragédia. O vídeo tem participação de Rihanna, na música All Of  The Lights e Nicki Minaj, narrando parte da história com um sotaque britânico.

Assista e testemunhe o espetáculo!

O filme é preenchido por uma seleção de nove faixas do aguardado álbum My Beautiful Dark Twisted Fantasy, que sai em novembro. As músicas são ótimas, especialmente Runaway e as imagens, belíssimas. São quase 35 minutos que valem a pena serem vistos. Um dos artistas mais polêmicos, egocêntricos e criativos do nosso tempo atesta todo o seu talento com esse filme espetacular!

O mundo dos videoclipes definitivamente não é mais o mesmo. Depois de Michael Jackson, Radiohead e Björk com seus clipes conceituais, presenciamos a ascensão de Lady Gaga e Ok Go, com seus vídeos referenciais e improvisados. Agora Kanye West, que sempre tenta inovar em seus videoclipes, nos traz um filme, com uma história, preenchido com músicas e imagens, com mais de meia hora de duração, uma profusão de imagens encantadoras, recursos cinematográficos, fantasia e drama.

Runaway foi inspirado em outros videoclipes, como Thriller de Michael Jackson, Purple Rain do Prince e The Wall do Pink Floyd.

Ouça algumas músicas contidas no filme:

Runaway:

Monster:

Devil In A New Dress:

Assista à versão videoclipe em nosso Tumblr!

 

Trailetrizante: o drama de Nicole Kidman

A coluna desta semana chega com o trailer de Rabbit Hole, um drama que promete explorar todo o talento de Nicole Kidman. Depois de estrelar filmes decepcionantes como Nine e Austrália, parece que Kidman volta a uma produção que pode nos proporcionar ver todo o talento da atriz. A vencedora do Oscar pelo filme As Horas contracena com Aaron Eckhart (O Cavaleiro das Trevas e Obrigado Por Fumar), formando o casal em crise de Rabbit Hole.

Tudo começa quando Becca e Howie estão diante da maior perda de suas vidas: o filho do casal morre num acidente. A vida deles fica de pernas pro ar, e eles têm de conviver com sentimentos de culpa, remorso, ódio e sarcasmo. Com isso, cada um busca apoio para superar o trauma e começa  uma jornada para uma reconciliação e pela felicidade.

Também estão mo elenco do filme: Dianne Wiest (Tiros na Broadway) e Sandra Oh (de Grey’s Anatomy). O filme estreia nesta semana na França (27/10) e no dia 17 de dezembro nos Estados Unidos. Não há precisão de estreia no Brasil. A direção é de John Cameron Mitchell.

Paramount Inicia Campanha para Colocar Ilha do Medo na briga pelo Oscar

O primeiro ato da campanha será uma retrospectiva das parcerias entre Leonardo DiCaprio e Martin Scorsese


A Paramount, por algum motivo, quer que Ilha do Medo esteja na lista de indicados para o Oscar 2011. O razão mais provável seria formar um trio forte, junto com True Grit, dos irmãos Coen e The Fighter de David O. Russell. Para a campanha de Ilha do Medo, está marcada, no American Cinematheque, uma retrospectiva com todas as parcerias entre o diretor Martin Scorsese e Leonardo DiCaprio. O detalhe é que todos foram indicados a Melhor Filme. São eles: Gangues de Nova York, O Aviador e os Infiltrados.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Será um final de semana com a exibição de cada filme. Os Infiltrados e Gangues de Nova York serão exibidos no sábado, 13 de novembro, e O Aviador e Ilha do Medo no domingo, 14. A lógica é simples: sempre que tem parceria DiCaprio/Scorsese, é indicação ao Oscar na certa.

Ilha do Medo é um dos grandes filmes de 2010, mas tem uma grande desvantagem em relação aos outros favoritos: não foi lançado na temporada do Oscar, que está prestes a começar. Ele estava previsto para outubro de 2009, mas problemas de orçamento forçaram o filme a ser adiado. Ilha do Medo se tornou o filme mais lucrativo de Martin Scorsese, arrecadando 295 milhões de dólares em todo o mundo.

Mas a estreia em fevereiro prejudica bastante o longa. O último filme a vencer tendo sido lançado também em fevereiro foi O Silêncio dos Inocentes, de Jonathan Demme (1991).

Outro ponto difícil é o fato de Leonardo DiCaprio ter fortes chances de concorrer como Melhor Ator por A Origem. Particularmente, acho que seu trabalho em Ilha do Medo foi melhor como ator, até por ele ter um personagem mais denso nas mãos, mas mesmo assim, as chances de indicação por A Origem são mais fortes (e também seriam justas). Mas curiosamente, isso já aconteceu em 2006 e com o próprio Leonardo, que teve a possibilidade de concorrer ao Oscar por Os Infiltrados e Diamante de Sangue, sendo este último o filme que valeu a indicação. DiCaprio ainda não tem um Oscar no currículo.

Serão 10 filmes na disputa e Ilha do Medo poderia merecidamente estar entre os indicados. Vamos esperar.

 

Leia também:

Ilha do Medo: um excelente thriller

Especial “A Origem”: Leonardo DiCaprio

 

 

Modo Shuffle: elegância e beleza no folk de Madjo

Madjo é franco-senegalesa, destacada por seu timbre de voz que lembra a canadense Feist e pelo ritmo de sua música, um folk balanceado, com vocal que soa como se fosse a capela, com acompanhamentos delicados e, ao mesmo tempo, ritmos e instrumentos originais.

Veja o clipe de Le Nid de 100 Soucis:

Madjo tem 27 anos e lançou o álbum Trapdoor, o primeiro de sua carreira, no mês passado pela Universal. O disco traz experimentções com toques de música pop.

Abaixo, a música Where Did You Sleep Last Night:


Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: