"So I think It’s Time For Us to Have a Toast" – Kanye West (Runaway)

Posts marcados ‘Not Myself Tonight’

Por que Britney Spears cometeu o mesmo erro que Christina Aguilera?

Com o lançamento de ‘Hold It Against Me’, Britney sente o que Aguilera viveu quando lançou ‘Not Myself Tonight’ em 2010


Muitos fãs não suportam as (inevitáveis) comparações que a imprensa faz entre as cantoras, mas depois do lançamento de Hold It Against Me, o clipe, nós do Cactus Buzz lembramos inevitavelmente de Not Myself Tonight. Não. Não estamos dizendo que se trata de uma cópia. Os clipes são completamente diferentes. Mas a ideia é a mesma: fazer um clipe cheio de referências, uma representação do mundo da música pop, coreografia, sensualidade. Porém as duas erraram. Mesmo que os fãs mais fervorosos das duas divas não admitam, em ambos os clipes há um conceito mal trabalhado e uma ideia superficial e excessos, muitos excessos.

Para quem ainda não viu, o site da MTV americana fez uma matéria com as 10 principais referências encontradas no novo clipe da Britney: As referências à Cultura Pop em ‘Hold It Against Me’ da Britney Spears.

Quando Not Myself Tonight, da Christina Aguilera, foi lançado, a MTV fez a mesma análise do vídeo, buscando as referências contidas no clipe: Clipe ‘Not Myself Tonight’ de Christina Aguilera e as Colagens da Cultura Pop.

É bem verdade que a MTV adora buscar essas referências em clipes dos grandes nomes do pop atual, como fez também com Lady Gaga em Alejandro e Kanye West em Runaway. A música pop é feita de referências e isso é natural. Mas é preciso ter cuidado ao usá-las e tanto Aguilera quanto Britney erraram.

Em Not Myself Tonight Christina Aguilera presta homenagem às divas e ícones da música pop, deixa a sua personalidade de lado e assume a de outras pessoas. Erros: esteticamente o vídeo não é bonito, algumas referências são absolutamente desnecessárias, como às feitas a Lady Gaga e Gwen Stefani. As duas são muito atuais e contemporâneas para serem tão referenciadas. E mais: são muitas ideias dentro de um conceito, imagens agressivas, muitos cortes e pouca coerência e harmonia de significado.

E não é que Britney faz exatamente a mesma coisa em HIAM? Apesar da maioria das críticas serem negativas, Britney não chegou a ser tão criticada quanto Aguilera. Erros: o excesso de elementos, luz e cores, ideias que se perdem no conceito, muitas propagandas e no final de tudo, quase uma ausência de significado.

Infelizmente esse é o efeito pós Bad Romance da Lady Gaga no mundo pop. Ela virou referência para artistas que devem ser suas próprias referências ou, ao menos, buscar referências mais consistentes em suas raízes musicais. E isso não é nenhuma acusação de plágio, cópia ou coisas do tipo. Nada contra Lady Gaga, mas um artista não pode tomar uma outra figura contemporânea como referência direta.

Esperamos que Britney Spears e Christina Aguilera, que já foram referências quando o assunto era música pop, encontrem suas verdadeiras identidades.

Anúncios

Christina Aguilera se Reafirma em Disco Cheio de Contrastes

O Cactus Cultural adverte: Bionic pode causar dependência auditiva

Por Romulo Rodhrigues

A cantora Christina Aguilera disponibilizou seu último e ainda não lançado álbum Bionic para audição através de sua página oficial no Facebook e em algumas rádios online. Foi a alternativa encontrada por Aguilera depois do vazamento de seu disco na internet na última semana.

Agora vamos postar nossa crítica sobre Bionic.  Primeiro, não podemos deixar de lado um fato que tem chamado grande atenção nas últimas semanas: as comparações entre Christina e Lady Gaga. Desde o lançamento de Not Myself Tonight, clipe do primeiro single de Bionic, as críticas e comparações vieram em forma de avalanche. Cópia ou imitação do novo fenômeno pop do momento? Fãs das duas cantoras trocaram farpas no palco virtual. Aguilera foi obrigada a se pronunciar e se defender das críticas. O fato é que Not Myself Tonight é um vídeo cheio de referências à música pop e às divas do gênero. A grande homenageada do clipe foi Madonna, percebem-se apenas uma ou duas referências diretas à Lady Gaga e nada mais. O que vemos é uma persona extremamente sexual e fetichista.

Vamos então à crítica: são 18 faixas em 1 hora de um pop cheio de contrastes. Confesso que as colaborações feitas por Aguilera na produção de Bionic não saíram bem da forma como imaginei, já que esperava algo mais alternativo e cool. Mas o resultado foi um disco essencialmente pop. A cantora mergulhou de vez na sonoridade eletrônica e o resultado é um disco viciante e grudento. Seria Bionic a plenitude do gênero pop? Não exatamente, afinal o álbum não é um acerto total, mas atesta a evolução musical de Christina. Neste CD podem-se notar mais experimentações sonoras e inteligência musical. Mais uma vez a cantora reafirma seu grande talento como vocalista em músicas como Lift Me Up e You Lost Me. Bionic é multitemático, autocentrado, feminino, teatral, harajuku, digital. É divertido com Vanity, tocante com You Lost Me e chega até a ser cool com Elastic Love, de longe o maior acerto musical de Bionic. Potencial comercial o disco tem, resta saber se Aguilera ainda tem fôlego para a música pop comercial ou se pretende deixar essas questões da indústria fonográfica de lado.

Christina Aguilera fala sobre You Lost Me. Confira abaixo vídeo legendado:

Bionic se adapta bem em diferentes cenários: seja numa pista de dança ou numa festa; ginástica na academia ou no seu carro. Mas nem tudo em Bionic reluz: as músicas All I Need, I Am e Morning Dessert foram tiros na água!

Você pode ouvir o CD completo em: christinaaguilera.com

Resumindo: Bionic é um bom disco, competente e inteligente. Por isso merece 3 espinhos:

Bionic Vazou! Agora completo!

O disco novo de Christina Aguilera vazou nessa última segunda-feira por inteiro

Por Romulo Rodhrigues


18 faixas, 1 hora de duração. Duas semanas antes do lançamento oficial do álbum, ele acaba de vazar para quem quiser baixar na internet. Desde o lançamento de Not Myself Tonight, primeiro clipe de Bionic, Aguilera tem enfrentado críticas e comparações com Lady Gaga, ela até se viu obrigada a se pronunciar oficialmente, dizendo não ter nada contra Gaga e afirmando que a respeita como artista. Seu single não foi bem recebido nas paradas americanas e já há rumores de cancelamento de sua turnê agendada para julho.

A cantora lançou uma Edição Limitada para Fãs de seu novo trabalho e está confirmada para se apresentar na grande final do American Idol (nesta quarta, 26/5) e no MTV Movie Awards (6/6).

O link para download do álbum é: www.multiupload.com

E se você prefere adquirir o seu legalmente, vá no ChristinaAguilera.com

Você também pode esperar até Bionic chegar às lojas brasileiras.

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: